08-11-2016

O que são e para que servem as proteínas?

Costumeiramente quando se ouve falar em proteínas as primeiras palavras que vem à mente são “carne” e “leite”, porém, as proteínas vão muito além disso. A palavra proteína é derivada do grego “proteíos”, que significa “que tem prioridade”. Elas são vistas como as macromoléculas mais significativas das células, formadas a partir da junção de aminoácidos. Todos os seres vivos são formados por proteínas, de um organismo microscópico a grandes animais e plantas. As proteínas são essenciais para o desenvolvimento e crescimento de qualquer organismo vivo, exercendo diversas funções: auxiliar na formação da estrutura dos organismos, atuar no metabolismo celular, auxiliar no transporte de substâncias, constituir os anticorpos do organismo, etc.

Entre as substâncias do grupo das proteínas estão as enzimas, que são altamente especializadas e possuem atividade catalítica. Atualmente são conhecidas mais de 2 mil enzimas, cada uma delas é capaz de catalisar uma espécie diferente de reação química. Com elas é possível usufruir de caminhos menos custosos energeticamente para promover reações bioquímicas e para obter ou aprimorar produtos. Para se ter ideia, as enzimas podem ser usadas para substituir produtos químicos e melhorar a eficiência de uma grande variedade de processos industriais, como por exemplo, na fabricação de margarina, cerveja, iogurte, concreto, couro, tecidos e biocombustíveis. As enzimas também são utilizadas diretamente em produtos, tais como detergentes para roupas, ajudando a remover manchas mesmo com lavagem em baixa temperatura.

Os micro-organismos de ocorrência natural no meio ambiente são os maiores produtores de enzimas. Este conhecimento tem sido explorado pela indústria há mais de cinquenta anos. Bactérias e fungos são os micro-organismos mais adequados para a produção industrial de enzimas, pois eles são fáceis de manusear, podem ser desenvolvidos em grandes tanques, sem luz, e possuem uma elevada taxa de crescimento.

Novozymes e seu portfólio de enzimas de qualidade

A engenharia de proteínas tem sido a base de muitos dos produtos mais importantes da Novozymes, líder munduial em biosoluções. Uma enzima é constituída por várias centenas de aminoácidos ligados entre si, numa estrutura tridimensional delicada. Por meio de extensa pesquisa, a Novozymes sabe a localização exata de cada um dos aminoácidos, então computadores especialmente programados são capazes de sugerir como alterar um ou mais dos aminoácidos para que a enzima funcione melhor em determinada aplicação, conforme a necessidade de cada cliente. No site http://www.bioblog.com.br/ é possível conhecer detalhadamente sobre a Novozymes e suas soluções na área de enzimas e sustentabilidade.

Quer fazer um comentário?