Educação

Estudantes podem se inscrever para Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente 2020

Competição premia alunos e professores do ensino fundamental e médio que proponham melhorias para as condições ambientais e de saúde no Brasil

A 10ª edição da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (Obsma), promovida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), prorrogou o prazo de inscrições até o dia 13 de dezembro de 2020. Podem participar alunos da educação básica, do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental (2º segmento) e do Ensino Médio, incluindo a Educação de Jovens e Adultos (EJA). As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelo professor responsável. O trabalho inscrito na Olimpíada deve ser original e abordar obrigatoriamente temas ligados à saúde e ao meio ambiente.

Para participar, o cadastro deve ser feito em duas etapas: 1) Preenchimento deste formulário e 2) Envio de material impresso, original, via correio, a uma das Coordenações Regionais da Obsma (sedes regionais da Fiocruz em todo o Brasil). O trabalho deve ser inscrito na categoria de Ensino Fundamental ou Ensino Médio. Também é necessário escolher uma destas três modalidades da Obsma 2020: Produção Audiovisual: cada vídeo deve conter, no máximo, 10 minutos; Produção de Texto: cada material deve ter, no máximo, dez páginas e pode conter ilustrações e Projeto de Ciências: podem ser apresentados diferentes projetos, incluindo experimentos científicos destinados à verificação de fenômenos naturais ligados aos temas saúde e/ou meio ambiente.

Segundo o regulamento da Obsma 2020, serão premiados alunos e professores do ensino fundamental e médio que proponham melhorias para as condições ambientais e de saúde no Brasil. O processo de avaliação dos trabalhos está dividido em duas etapas: regional e nacional. Na primeira, as comissões avaliadoras escolhem os vencedores de cada Regional, por categoria e nas três modalidades. Quem for premiado na etapa regional concorrerá à etapa nacional. Nesse caso, serão escolhidos os seis destaques da 10ª edição da Obsma.

As listas de trabalhos premiados nas etapas regionais e nacional serão divulgadas no site da Obsma e no site de Fiocruz.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *