27-09-2016

Como a biomassa pode ser utilizada para produção de energia

Considera-se biomassa todo e qualquer recurso que seja renovável, que tenha sua origem em matéria orgânica (vegetal ou animal), e que possa ter aplicação ou ser usado na produção de energia. A energia produzida por meio da biomassa é obtida através da decomposição da matéria orgânica. Para isso são usados processos específicos que variam de acordo com a origem da fonte da biomassa, bem como da finalidade que se espera para a aplicação da energia obtida da mesma. Como exemplo de biomassa podemos citar os resíduos industriais, tanto rurais quanto urbanos como etanol, cana de açúcar, óleos vegetais, carvão vegetal e lenha.

Transformação da biomassa em energia

Para se obter a transformação da biomassa em energia há quatro processos distintos que podem ser usados. Vejamos:

  1.  Combustão: Neste processo a queima da biomassa é feita em altas temperaturas com altos níveis de oxigênio. Como resultado desse processo temos o vapor produzido a alta pressão. Esse vapor é comumente usado para colocar turbinas em movimento ou em caldeiras. Esse é um dos processos de transformação de biomassa em energia mais comuns, atualmente apresentando uma eficiência energética entre 20% e 25%.
  2. Co-Combustão: Essa é uma mudança parcial de combustível utilizado na combustão. Ela traz a premissa (ou proposta) de que seja feita a substituição de uma parte do carvão mineral que geralmente é usado em termoelétricas por biomassa. Com isso, a emissão de poluentes pode ser reduzida significativamente. Com uma faixa de desempenho entre 30% e 37%, essa aplicação tem sido considerada bem atrativa em termos econômicos.
  3. Gaseificação: Neste processo, a biomassa é submetida ao calor na ausência de oxigênio. Com isso, é obtido um gás inflamável como produto final. Esse gás, apesar de já ser um produto resultante da transformação da biomassa ainda pode ser trabalhado. Ele pode passar por filtragem a fim de que sejam removidos determinados componentes químicos residuais. Diferentemente do processo que comentaremos a seguir, na gaseificação a biomassa exige uma temperatura menor do que a usada na pirólise. Neste caso, os produtos obtidos são apenas gasosos.
  4. Pirólise: Por meio desta técnica de transformação, a biomassa é submetida a temperaturas elevadas sem a presença de oxigênio. Com isso, há uma aceleração em sua decomposição. A transformação da biomassa por meio da pirólise origina uma mistura de sólidos (carvão vegetal), líquidos (óleo vegetal) e gases.

Além de ser renovável, a biomassa se destaca por diversas outras vantagens tais como: ser pouco poluente, viabilidade alta, baixo custo, menor corrosão de equipamentos onde é usada, entre outras. No Brasil, o uso da biomassa como fonte de energia tem crescido ao longo dos anos, respondendo atualmente por uma fatia considerável na produção energética.

Quer fazer um comentário?