Bioenergia

Agência da ONU e fundo ambiental liberam US$1 mi para setor de biogás no Brasil em 2019

A iniciativa “Aplicações do Biogás na Agroindústria Brasileira” vai financiar capacitações, mapeamento e divulgação de informações e modelos de negócio para o biogás

A Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO) e o Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF, na sigla em inglês) aprovaram em fevereiro o investimento de 1 milhão de dólares na cadeia de biogás da agroindústria brasileira para o ano de 2019. O montante vai financiar capacitações, mapeamento e divulgação de informações e modelos de negócio, bem como ações de desenvolvimento de tecnologia e unidades de demonstração, com execução prevista para cinco anos, e com o custo estimado de 7 milhões de dólares.

A iniciativa “Aplicações do Biogás na Agroindústria Brasileira” é decorrente de uma solicitação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), instituição líder do governo, que conta com a participação do Ministério de Minas e Energia (MME), Ministério do Meio Ambiente (MMA) e do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

O projeto é implementado pela UNIDO com recursos do GEF. A execução conta com a atuação de importantes instituições como o Centro Internacional de Energias Renováveis e Biogás (CIBiogás) e do SEBRAE. O programa teve seu plano de trabalho aprovado em reunião da agência da ONU com representantes do governo do Brasil e do setor de biogás e energias renováveis.

Com duração de cinco anos, o projeto visa reduzir emissões de gases do efeito estufa e combater a dependência de combustíveis fósseis no Brasil, promovendo o uso do biogás e fortalecendo as cadeias de tecnologia dessa fonte de energia e também do biometano. A expectativa é reduzir o equivalente a 535 mil toneladas de gás carbônico.

Iniciativas

O projeto Educação, da Novozymes desenvolveu alguns experimentos científicos para ajudar a disseminar conhecimentos importantes que podem ajudar na preservação do meio ambiente. Um deles é a “Construa a sua Mata Ciliar”, com esses conhecimentos você pode mostrar, na prática, como a Biologia pode contribuir para um mundo melhor.

Professores, alunos, comunidade, curiosos e amantes do Meio Ambiente podem ter acesso aos experimentos científicos fazendo um cadastro simples, clicando aqui. Para realizar o experimento em sala, o professor levaria duas aulas de 45 minutos cada. Como suporte, para aprender a fazer o experimento, no site www.bioblog.com.br/experimentos-cientificos estão disponíveis um vídeo e cartazes que mostram o passo a passo para criar a sua Mata Ciliar.

As matas ciliares ainda são importantíssimas para proteger e controlar os processos de erosão do solo, a recuperar as áreas degradadas, a regularizar e manter a vazão dos cursos hídricos e a preservar a fauna e a flora da região onde estão localizadas.

Você pode, ainda, conferir um vídeo especial e ver na prática como a mata ciliar é um filtro natural do solo e das águas. E aí? Quer participar e ajudar a divulgar a importância das matas ciliares? Faça o experimento e conte para a gente!

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *