BioenergiaSustentabilidade

Você sabe o que é carbono biogênico?

Carbono biogênico são as emissões relacionadas ao ciclo natural do carbono, bem como aquelas resultantes da combustão, colheita, digestão, fermentação, decomposição ou processamento de materiais de base biológica.

Materiais de base biológica são o que chamamos de biomassa, de modo que são excluídos, segundo a Organização Industrial de Biotecnologia (BIO), materiais embutidos em formações geológicas ou transformados em material fossilizado que, apesar de também serem derivados do ramo vegetal e mineral, são resultado de processos e transformações que levam milhares ou milhões de anos para ocorrer. Alguns exemplos de biomassa são: subprodutos da pecuária, da agricultura, da floresta ou da exploração da indústria da madeira e até mesmo a parte biodegradável do lixo doméstico.

A queima da biomassa usada para a geração de energia é responsável por uma parte significativa das emissões de CO2, especialmente em atividades relacionadas ao setor agrícola. Entretanto, as emissões provenientes da queima dessa biomassa são consideradas neutras no que se refere a impactos climáticos já que esse dióxido de carbono, é gerado por meio de um ciclo biológico , diferentemente do CO2 emitido na queima de um combustível fóssil, por exemplo, cujo ciclo é geológico, ou seja, ciclo no qual o carbono movimenta-se pela atmosfera, hidrosfera e litosfera, e não pelos seres vivos como no caso do ciclo biológico e no qual o carbono é chamado de carbono biogênico.

Desse modo, o uso de biomassa e subprodutos dessa matéria-prima para geração de energia alternativa, como a produção de biocombustíveis, é considerado importante para reduzir as emissões de Gases de Efeito de Estufa (GEE) e aumentar a participação de fontes de energia renováveis na matriz energética mundial.

• Para saber mais sobre carbono biogênico acesse: Metodologia do GHG Protocol da agricultura
• Para saber mais sobre energias renováveis acesse: Energias renováveis: você sabe quais são elas?

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *