Sustentabilidade

União Europeia se prepara para banir o plástico descartável

Um acordo provisório foi negociado e se for aprovado pelo Parlamento Europeu e os países membros, deve banir, nos próximos dois anos, o plástico descartável. A medida visa mudar os hábitos dos europeus.

Segundo a agência alemã, Deutsche Welle, a União Europeia quer banir o uso de plástico descartável. Em dezembro de 2018, um acordo provisório foi negociado e se for aprovado pelo Parlamento Europeu e os países membros, deve banir, nos próximos dois anos, o plástico descartável. A medida visa mudar os hábitos dos europeus.

A proposta quer ajudar a combater – e conter – as quantidades astronômicas de lixo plástico que acabam por poluir o meio ambiente e os oceanos. Inicialmente, a proibição afetará somente objetos para os quais existem alternativas melhores.

As discussões sobre o alto consumo do plástico pelos europeus já vinham chamando a atenção nas discussões na Comissão Europeia desde o início do ano, quando a organização explicou que com as medidas, a projeção é que sejam reduzidas as emissões de dióxido de carbono em 3,4 milhões de toneladas. Segundo cálculos apresentados, os danos ambientais no valor de 22 bilhões de euros podem ser evitados até 2030. E os consumidores poderiam economizar até 6,5 bilhões de euros.

Com a divulgação da proposta, a Comissão Europeia também destacou que 80% dos resíduos encontrados nos mares são de plástico e que pouco menos de um terço dos resíduos plásticos é coletado e reciclado, e a maior parte dos resíduos restantes acaba nos mares e oceanos.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *