03-03-2017

Quais são os três pilares da sustentabilidade

A sustentabilidade não está ligada somente ao meio ambiente mas, também, ao meio social e econômico, formando assim, os três pilares que visam melhorar a qualidade de vida.

A sustentabilidade pode ser entendida como um conjunto de ações que visam atender à necessidade humana sem prejudicar o meio ambiente. Contudo, ela não está pautada somente em questões ambientais. Para a sobrevivência é necessária a extração de matérias-primas e utilização de recursos naturais e, nessa ação, estão envolvidas outras questões sociais e econômicas que afetam a vida das pessoas de alguma maneira.

Os três pilares da sustentabilidade

Em virtude dessas ações e seus reflexos, a sustentabilidade é baseada nestes três pilares: social, ambiental e econômico que necessitam de uma relação equilibrada, uma vez que dependem um do outro.

Social: refere-se ao capital humano, já que para a produção de bens de consumo são necessárias pessoas, que são funcionários, clientes, fornecedores e comunidade em geral, que se relacionam com produtos ou serviços. Por isso, é importante oferecer um ambiente de trabalho agradável, que preze a saúde e bem-estar do trabalhador. De forma mais ampla, também são necessárias melhorias em todos os campos a fim de oferecer mais qualidade de vida e igualdade à população.

Ambiental: esse é o capital natural, ou seja, é de onde são extraídas as matérias-primas para a sobrevivência. É a base da sustentabilidade, já que todas as atividades devem ser feitas de forma a reduzir ou impedir qualquer impacto ambiental. São ações tomadas como as práticas de reciclagem, reflorestamento, utilização de energia renovável, reutilização da água, planejamento urbano, entre outras.

Econômico: vai além da relação financeira. Apesar das empresas serem peças fundamentais na economia, esse pilar aborda causas e efeitos de decisões de negócios também no âmbito social e ambiental. Movimentar a economia de maneira saudável, garantir o fluxo econômico e gerar empregos são formas de garantir a sustentabilidade.

Portanto, para que a sustentabilidade funcione, é essencial que seus três pilares estejam alinhados e equilibrados, afinal, eles se relacionam com questões importantes para a manutenção e preservação da biodiversidade, diminuindo impactos ambientais e gastos com recursos naturais ou matérias-primas. Dessa forma, a sustentabilidade se trata de uma prática que deve ser vista como necessária por todas as gerações.

Biosoluções e práticas sustentáveis

O uso de soluções biotecnológicas com base na sustentabilidade tem contribuído com a manutenção do meio ambiente. No Brasil, a multinacional dinamarquesa Novozymes utiliza práticas sustentáveis que auxiliam a minimizar os impactos ao meio ambiente, desenvolvendo biosoluções para empresas do ramo têxtil, bioenergético, alimentício, agrícola, entre outros. Acesse o Bioblog e saiba mais sobre conteúdos importantes de Biologia, Bioinovação e Sustentabilidade www.bioblog.com.br.

2 comments

  1. Quem é o autor do texto ?

    Responder
    1. Olá Stefanye, o crédito é equipe da Novozymes. Abs

      Responder

Quer fazer um comentário?