04-12-2017

Publicação norte-americana mostra os benefícios do etanol para o bolso do consumidor

A ideia é mostrar aos motoristas como os seus carros podem ser menos poluidores, mais eficientes e potentes e, o melhor, fazer mais quilômetros rodados por dólar abastecido.

Uma publicação norte-americana, da Richard Childress Racing (RCR) e da ECR Engines mostra aos consumidores americanos as vantagens do etanol para quem se preocupa com a economia e com meio ambiente.

Eles escolheram uma abordagem bastante interessante, que mostra aos motoristas como os seus carros podem ser menos poluidores, mais eficientes e potentes e, o melhor, fazer mais quilômetros rodados por dólar abastecido.

A explicação dada pelas entidades é bastante simples. Segundo eles, quase todos os galões de gasolina, hoje, nos Estados Unidos, contam com a adição desse biocombustível, o etanol. Isso ajuda a aumentar o desempenho do motor e torná-los ainda mais eficientes.

O etanol, por ser rico em oxigênio, ajuda o motor dos automóveis a queimar o combustível completamente. Eles explicam que, durante a combustão, o oxigênio do etanol e do ar se liga ao hidrogênio e ao carbono nos combustíveis para criar água e dióxido de carbono. Outra importante vantagem é que com a adição de oxigênio do etanol, as emissões de gases prejudiciais, por meio do escapamento, como os hidrocarbonetos não queimados e monóxido de carbono, são expressivamente reduzidos.

Mais economia para o bolso, mais eficiência para os veículos

Nos Estados Unidos, hoje, os automóveis são equipados com sensores de emissões e sistemas de controle por computador que ajustam automaticamente a mistura de combustível e ar focado na busca de máximo desempenho. Essa característica possibilita que qualquer automóvel possa ser abastecido com gasolina que contenha de 10% a 15% de etanol (no Brasil a mistura de etanol à gasolina já é de 27%, uma evolução em termos de qualidade do combustível para o carro e sustentabilidade). Para os carros já adaptados, os Flex Fuel, é possível o uso de uma mistura ainda maior.

Essa adição de etanol à gasolina permite que os carros façam mais quilômetros por litro. Segundo eles, a queima de uma gosta de etanol gera menos calor do que queimar uma gota de gasolina, mas a diferença na geração de calor tem pouco ou nenhum impacto na quilometragem. Por isso, os consumidores podem dirigir por distâncias maiores, gastando menos, ao abastecerem com uma mistura de etanol mais elevada.

E entre as vantagens também está a redução da probabilidade de acumulação de umidade no motor. Como exemplo, eles destacam que em uma noite fria, após um dia úmido, a umidade no ar poderia condensar na câmara interna de um tanque de combustível. A água não se mistura com a gasolina pura, portanto, ela se acumula no fundo do tanque. Se essa água não misturada entrar no motor, ele irá parar, podendo também congelar nas linhas de combustível.

Abastecer os veículos com misturas à base de etanol ajudam a absorver um pouco de água antes de se tornarem saturados, não deixando chegar ao ponto de prejudicar o desempenho do motor. Em resumo, o etanol ajuda a manter o combustível seco, perfeito para os carros.

Quer fazer um comentário?