12-04-2017

O que são as certificações Responsabilidade Social SMETA e URSA?

As certificações de Responsabilidade Social incentivam a produção ética, responsável, consciente e efetiva.

As certificações de Responsabilidade Social incentivam a produção ética, responsável, consciente e efetiva, tendo como premissas práticas positivas e construtivas, a fim de preservar o meio ambiente, os recursos naturais e de proporcionar melhores condições de trabalho para os colaboradores, promovendo, desse modo, a interação entre a sociedade e a empresa pautada na sustentabilidade.

É o caso da SMETA (Sedex Member Ethical Trading Audit), ou “Auditoria do Comércio Ético dos membros Sedex”, lançada em versão mais atual em novembro de 2014, é o procedimento de auditoria desenvolvida pelo Sedex Associate Auditor Group (AAG), pertencente ao Sedex (Supplier Ethical Data Exchange), organização inglesa sem fins lucrativos, que une conceitos das normas OHSAS 18001, SA 8000 e ISO 14001, conjugando boas práticas empresariais com técnicas de auditoria ética, sendo pré-requisito dos mais exigentes mercados para a contratação de fornecedores.

Trata-se de um sistema de publicação de relatórios de auditoria por seus membros, para a realização de intercâmbio de dados globais sobre boas práticas de trabalho em cadeias produtivas. O objetivo do procedimento é que fabricantes e fornecedores demonstrem seu compromisso com as boas práticas na cadeia de fornecimento, de acordo com o protocolo de auditoria SMETA, que, em suma, pretende abolir a exploração infantil, primando por condições de trabalho salubres, salários e jornada de trabalho justas, além de promover o conhecimento sobre a cadeia produtiva.

Essa norma também trata dos eventuais impactos no meio ambiente, bem como sobre a garantia de acordos comerciais éticos, tudo isso podendo ser aferido com o conhecimento dos detalhes que permeiam o processo de trabalho e de produção, o que auxilia na gestão de riscos, contribuindo com a comunidade e a sociedade em geral, aumentando, desse modo, a eficiência e trazendo sustentabilidade ao negócio. As auditorias SMETA podem se pautar por dois ou quatro pilares (normas de saúde e segurança, meio ambiente a gestão empresarial), que observam as normas do Direito Trabalhista articuladas pelas Organizações Internacionais do Trabalho.

A certificação URSA (Understanding Responsible Sourcing Audit) é auditoria de contratação responsável lançada no ano de 2015 pela Unilever, uma das maiores fabricantes do mundo, que objetiva realizar o mapeamento de riscos para os direitos humanos na cadeia produtiva, inovando em questões de novas políticas adotadas, que reconhece os negócios responsáveis e prima pela efetivação de remuneração justa aos colaboradores. Esta certificação permite ainda a avaliação do desempenho e da conformidade dos fornecedores e produtores com todas as normas aplicáveis, o que inclui a adesão à Política de Sourcing Responsável (RSP) da Unilever, após o registro da empresa no USQS (Unilever Supplier Qualification System).

A URSA vai muito além dos protocolos comumente aceitos pela indústria em geral porque avalia as práticas dos fornecedores em padrões de trabalho, saúde e segurança, direitos humanos, integridade empresarial, gestão ambiental e de questões relativas à posse de terras.

A Novozymes, preocupada em coibir abusos sistêmicos de direitos humanos – que é um dos pilares orientadores da empresa ao lado da sustentabilidade – em sua cadeia produtiva, aderiu às certificações SMETA (2014) e URSA (2016), garantindo, assim, a procedência e qualidade de matéria prima, dos insumos e da qualidade de vida de seus colaboradores.

Quer fazer um comentário?