Cuidados Domésticos

O que são amilases?

As amilases, também chamadas de enzimas amilolíticas, são capazes de degradar as moléculas de amido

Bom, antes de falarmos de amilases, se você não sabe o que são enzimas, acesse o post O que são enzimas? para entender tudo a respeito delas! 😉

As amilases, assim como as demais enzimas, têm a função de catalisar ou acelerar a hidrólise (quebra pela adição de água) de uma determinada molécula que, nesse caso, é o amido. O amido é um tipo de carboidrato, mais especificamente um polissacarídeo, que está presente em grande quantidade na natureza, sendo que sua origem é vegetal. Enquanto nos animais a principal reserva energética se encontra na forma de glicogênio, nas plantas é o amido que desempenha esse papel. Ele é composto por dois outros tipos de carboidrato: a amilose e a amilopectina e as principais fontes de amido que consumimos são batatas, trigo, mandioca, milho, aveia e arroz, além de estar muito presente em produtos insdustrializados como molhos, bebidas lácteas, sopas e farinhas.

As amilases estão presentes na nossa saliva, que inicia o nosso processo de digestão dos alimentos. O pâncreas e a glândula salivar produzem essa enzima que coverte o amido (polissacarídeo) em di e trissacarídeos que são convertidos por outras enzimas em em glicose, a principal molécula que fornece energia para nossas células por meio de outros processos. Já que essas enzimas são capazes de “quebrar” as moléculas de amido, elas têm sido amplamente usadas em detergentes lava-roupas. Como a maioria das pessoas costuma consumir produtos processados, as manchas desse tipo de produto são uma das mais comuns que encontramos nas nossas roupas. As amilases ajudam na remoção dessas manchas porque quebram as grandes moléculas de açúcar do amido em partes pequenas, o que facilita sua remoção na hora da lavagem.

Viu só? Tirar mancha de tomate daquela camiseta não será mais um problema se você utilizar um detergente enzimático 😊 Você já usa esse tipo de lava-roupas na sua casa? Conta pra gente nos comentários!

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *