Bioenergia

O que é o Biobutanol?

O Biobutanol é um biocombustível obtido por meio da fermentação de uma matéria-prima que pode ser a beterraba, a cana-de-açúcar, o trigo, o milho ou a mandioca

Diante da necessidade de se substituir os combustíveis fósseis e de se aumentar a participação das energias renováveis dentro da matriz energética mundial, os biocombustíveis têm ganhado, nos últimos anos, uma crescente atenção ao redor do mundo. Várias alternativas para a produção de biocombustíveis vêm sendo estudas e uma delas é a produção do Biobutanol.

O butanol é um álcool composto por quatro carbonos, sua fórmula molecular é C4H8OH e ele possui diversos benefícios. Quando obtido pela rota bioquímica (ou renovável) é chamado de biobutanol e transforma-se num grande aliado na busca por biocombustíveis que diminuam ainda mais a nossa dependência do petróleo. Dentre suas principais propriedades estão:

  • Alta miscibilidade com o diesel ou a gasolina
    Ou seja, é mais facilmente misturado a esses combustíveis devido à sua longa cadeia de carbono, que o torna mais apolar e então mais semelhante ao diesel e à gasolina do que ao etanol, por exemplo.
  • Alta densidade energética
    O que, nesse caso, significa a quantidade de energia presente em um determinado volume do biobutanol. O butanol tem uma maior densidade energética (29.2 MJ/L) quando comparado ao etanol (19.4 MJ/L).
  • Menor octanagem ou menor índice de octano
    Octanagem é a capacidade que o combustível tem de resistir, em mistura com o ar, ao aumento de pressão e de temperatura sem detonar. Quanto maior a octanagem, maior é a resistência do combustível à detonação. O butanol possui octanagem maior (96) que a da gasolina (80-99) e menor que a do etanol (108).
  • Volatilidade mais baixa
    Também conhecida como facilidade de evaporação, é importante que não seja nem muito alta nem muito baixa pois os dois extremos podem atrapalhar o funcionamento do veículo. A volatilidade dos álcoois diminui com o aumento da quantidade de carbono presente em sua molécula.
  • Pressão de vapor mais baixa
    A pressão de vapor está diretamente relacionada à volatilidade de uma substância, ou seja, quanto maior for a pressão de vapor, mais volátil é o combustível, por exemplo. E no caso do butanol ambas as grandezas são mais baixas.

Além de ser usado como combustível para transporte, o butanol e seus derivados podem ser utilizados em outras aplicações industriais, como revestimentos de superfície, plastificantes e diluentes, o que comprova a versatilidade e, consequentemente, o crescente interesse nesse produto.

E você, já tinha ouvido falar do biobutanol? Conta pra gente aqui nos comentários o que mais você gostaria de saber e fique ligado nos próximos posts sobre esse biocombusítvel aqui no Bioblog!

 

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *