21-09-2016

Biodiesel com óleo de mamona

Entre as vantagens da utilização do biodiesel à base de óleo de mamona está a diminuição da emissão de gases poluentes no meio ambiente.

Cada vez mais se tem falado a respeito do uso do óleo de mamona na produção de biodiesel como uma prática sustentável. A utilização do óleo de mamona tem o intuito não somente de diversificar as matérias-primas utilizadas na produção do biodiesel, mas de estimular também os mercados agrícolas regionais e a agricultura familiar em projetos sociais e econômicos no Brasil.

Cultivo, utilização e fonte de renda

O óleo de mamona tem suas especificidades e se difere bastante das demais plantas oleaginosas que são cultivadas no país. Sua composição química apresenta cerca de 90% do ácido graxo ricinoléico que, por sua vez, tem uma propriedade que o capacita como matéria-prima de diversos produtos químicos, muito diferente das demais oleaginosas tradicionais e mais apto à composição do biodiesel.

A mamoneira é uma planta típica dos países de clima tropical e subtropical. Seu fruto, a mamona, está à frente de duas atividades econômicas atuais no Brasil, e uma delas é a do Biodiesel. Em regiões atípicas como o Nordeste, a mamona adquirida é singular e, entre as vantagens do cultivo da planta nesta local, estão a sua fácil adaptação às regiões semiáridas e secas e a necessidade de pouco agrotóxico em seu cultivo nacional.

A mamona, bem como todas as partes da planta, pode ser aproveitada para diversos fins. Desde os tempos mais antigos, o óleo de mamona já era utilizado para a geração de energia elétrica e, também, com a finalidade medicinal. Dessa forma, é um excelente substituto dos derivados do petróleo, como revestimentos protetores impermeabilizantes de superfície, fluídos hidráulicos e cosméticos, por exemplo.

Baixos índices de poluição

Renovável e muito menos poluente do que o combustível fóssil, a utilização do óleo da mamona se alia ao fator de escassez dos combustíveis tradicionais e à grande demanda de recursos de energia nos sistemas de produção e de transporte.

O biodiesel à base de óleo de mamona é uma fonte de energia alternativa que reduz o consumo dos derivados do petróleo, evitando a emissão de gases poluentes e, dessa forma, minimizando os efeitos danosos e contribuindo para a preservação ambiental. Com um processo de preparação mais demorado e dificultoso, ele ainda é menos competitivo em relação ao seu preço, porém, mais indicado pela prática da sustentabilidade e preservação do meio ambiente.

Quer fazer um comentário?